Cuidado com o meio ambiente: prática fundamental da CRH.

A sustentabilidade e a responsabilidade socioambiental são aplicadas no gerenciamento de todos os aspectos das operações da CRH. Dessa forma, a empresa pode continuar a expandir a sua influência positiva em toda a cadeia de valor, construindo um negócio forte e resistente que é capaz de entregar retornos sustentáveis para todas as partes envolvidas.

Os fundamentos do negócio são gerenciados dentro de um quadro de sustentabilidade que se baseia em quatro pilares: Saúde e Segurança; Meio Ambiente e Alterações Climáticas; Governança; Pessoas & Comunidade. Tais pilares da sustentabilidade estão aplicados em todas as unidades produtoras de cimento que a CRH opera no Brasil desde que desembarcou no país, em agosto de 2015.

A CRH fornece os materiais e produtos que constroem nosso mundo, das estradas onde dirigimos e dos edifícios onde trabalhamos às escolas de nossos filhos e ao acabamento de nossas casas.

Política Ambiental

A CRH é comprometida com os mais altos padrões de gerenciamento ambiental em todas as nossas atividades e garante de forma proativa os desafios e oportunidades relacionados às mudanças climáticas.

A Política Ambiental da CRH, aplicada a todas as companhias do Grupo, consiste em:

  • Atender a legislação ambiental aplicável e melhorar de forma contínua nossa gestão
    ambiental, em busca das melhores práticas industriais;
  • Garantir que todos os nossos empregados e prestadores de
    serviços estejam conscientes de suas responsabilidades ambientais;
  • Abordar de forma proativa os desafios e as oportunidades no
    tocante às mudanças climáticas;
  • Otimizar nosso consumo de energia
    elétrica e demais recursos;
  • Desenvolver produtos sustentáveis, inovações de
    processos e novas oportunidades de negócio;
  • Ter uma relação de boa vizinhança em
    todas as comunidades onde operamos.

Gruta do Ballet

Um exemplo de projeto socioambiental da CRH é a Reserva Particular do Patrimônio Natural – RPPN Gruta do Ballet, que está no terreno da fábrica de Matozinhos e fica a cerca de 40 km ao norte de Belo Horizonte. Criada com o intuito de conservação do patrimônio cultural, a Reserva é uma área arqueológica, espeleológica e paleontológica que abriga uma caverna com aproximadamente 150 metros onde podem ser vistos painéis de arte rupestre pré-históricos. A CRH é responsável pela implementação de uma estrutura adequada para a visitação, e após agendamento, os visitantes podem conhecer a gruta e fazer trilhas na região.

Para agendar uma visita, preencha o fomulário abaixo com antecedência mínima de 10 dias:

Centro Ambiental

A CRH mantém o Centro Ambiental utilizado para as atividades relacionadas ao meio ambiente e um Viveiro de Mudas onde são produzidas mudas nativas e ornamentais para a manutenção da especie nos locais e para doações as instituições educacionais culturais e do meio ambiente.